blog

Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors
post
experts

blog

Logo oceane
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors
post
experts
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors
post
experts

Bigode chinês: como identificar + formas de tirá-lo

Entenda como o bigode chinês surge conforme o envelhecimento da pele e saiba como prevenir com hábitos de rotina e procedimentos.

Dra. Adriana Vilarinho

22/06/2023

7 min de leitura

Dra. Adriana Vilarinho

7 min de leitura

foto destacando bigode chines

Não tem como olharmos no espelho e vermos as linhas de expressão e não pensarmos: é, estou ficando velho. Mas o surgimento dessas marcações faciais é um movimento natural que ocorre em nosso rosto, independentemente da idade, viu?

E um dos locais mais comuns para esse aparecimento indesejado é na região dos lábios, formando o popular bigode chinês. Esse termo se refere a dois vincos localizados na lateral do nariz que vão até os cantos da boca.

Embora seja muito comum, poucas pessoas sabem que existem formas práticas e eficientes para tratar e prevenir o surgimento das rugas ao redor da boca. Neste post, revelaremos tudo sobre o assunto, desde do que é até ativos para acabar com o bigode chinês, vamos lá!

O que é bigode chinês no rosto?

O sulco nasogeniano é o termo técnico dado para o popular bigode chinês, sendo linhas formadas nas laterais do nariz que se estendem até as extremidades dos lábios. Dessa forma, criam dois traços que parecem um bigode — daí o nome. Esse é um sinal natural do envelhecimento da face.

Conversamos com a autoridade no assunto, Dra. Adriana Vilarinho, a dermatologista explica que esse processo ocorre porque, próximo aos 30 anos, a produção de colágeno cai 1% por ano, algo que se intensifica no período da menopausa. Mas existem outras causas para que essas ruguinhas apareçam.

imagem mostrando bigode chines

Quais são as causas para as linhas do sorriso?

Como comentamos aqui, o sulco nasogeniano é a linha de expressão que aparece devido ao processo natural de envelhecimento da pele. Ocorre a formação de uma ruga pela perda de gordura na região da face, indo do nariz até o canto dos lábios.

Essas linhas podem deixar o semblante carregado e com aquela aparência de cansaço. Se não tratado, o bigode chinês se torna mais acentuado com o passar dos anos.

Segundo a dermatologista, Dra. Adriana Vilarinho, além do amadurecimento da epiderme, fatores ambientais e hábitos alimentares aceleram o processo de surgimento das linhas labiais, alguns exemplos são:

  • Alimentação;
  • Exposição excessiva ao sol;
  • Falta de hidratação;
  • Tabagismo;
  • Poluição;
  • Dormir pouco;
  • Desidratação da pele.

Isso significa que existe, sim, a possibilidade de que as rugas próximo a boca apareçam antes dos 30. Mas tenha muita calma nessa hora, é possível identificar e atuar para acabar com as linhas de expressão faciais em todas as idades.

 

 

+ Conheça todos os benefícios da vitamina c aqui

Como identificar as rugas ao redor da boca?

Vamos identificar juntos a existência do bigode chinês, para isso, precisamos que fique em frente a algum espelho. Agora, olhe diretamente para os locais que ficam entre a sua boca e o nariz, note se existem linhas que ligam essas duas partes do seu rosto.

Você pode fazer o teste sorrindo para ver se as expressões aparecem. Se surgirem apenas ao sorrir, é hora de começar um tratamento antienvelhecimento. Mas se notou os traços sem mexer os lábios, chegou o momento de atuar para tirar o bigode.

 

Modelo aplicando AHA BHA no rosto

 

Como tirar o bigode chinês? 2 formas eficientes

A dermatologista afirma que a maioria das pessoas terá o bigode chinês em algum momento, seja mais cedo ou mais tarde, dependendo da genética e dos hábitos da rotina. Mas a boa notícia é que tem tratamento!

As linhas do sorriso podem ser tiradas com procedimentos estéticos e com uma rotina de skincare facial que usa produtos antienvelhecimento. Vamos contar tudo sobre cada método agora, venha descobrir.

1. Experimente o preenchimento labial

Um dos procedimentos mais conhecidos para combater o bigode chinês é o preenchimento. O método é feito com uma anestesia local que evita possíveis dores no momento da aplicação. É usado ácido hialurônico para preencher as linhas do rosto que precisam ser minimizadas, desde as superficiais até as mais profundas.

Funciona assim: a substância é injetada nas laterais da boca através de uma cânula (um tubo de plástico) para elevar a pele e corrigir a expressão facial e a ruga no local. Podem ser usadas outras substâncias, como hidroxiapatita de cálcio.

Segundo a Dra. Adriana Vilarinho, ambas as técnicas são bastante seguras e os efeitos duram de 12 e 18 meses, e podem ser reaplicados conforme a necessidade de cada paciente.

2. Realize o tratamento com fios de polidioxanona

Existe ainda a possibilidade de tratamento com fios de PDO (polidioxanona) tanto os de sustentação quanto os de bioestímulo. Os primeiros são colocados em pontos estratégicos para levantar o tecido flácido, e os últimos estimulam o colágeno na região para criar um efeito de preenchimento. O resultado é um rosto muito firme e jovial.

O tratamento precisa ser feito por profissionais especializados e com produtos liberados pela ANVISA, assim, você garante resultados duradouros e mais segurança antes e depois da aplicação.

E aqui vai outra dica: o procedimento é considerado pouco invasivo, mas pode ocorrer inchaço no local ou que a região fique levemente arroxeada. Por isso, evite a exposição solar na região até que a recuperação seja completa ao longo de 5 dias, aproximadamente.

3. Faça skincare facial todos os dias

Uma maneira mais simples de prevenir e tratar o bigode chinês é através do uso contínuo de produtos de skincare. Segundo a dermatologista, os dermocosméticos promovem um efeito mais superficial, mas ajudam a minimizar os sulcos, já que atuam contra o envelhecimento e previnem o surgimento de novas rugas.

Siga os passos cruciais do skincare todos os dias, faça a limpeza, hidratação e proteção da face. Na hora de selecionar os produtos, opte por ativos que minimizem as rugas faciais. E não esqueça de reforçar a rotina de cuidados com o uso de máscaras antienvelhecimento e a esfoliação do rosto.

Quais ativos de skincare acabam com o bigode chinês?

Você gostou da ideia de tirar as linhas de sorriso em casa, mas não sabe quais produtos de skincare escolher para deixar o rosto incrível? Listamos os ativos mais desejados para essa finalidade, são eles:

  • Ácido Hialurônico: deixa a epiderme mais volumosa e suaviza a aparência de linhas finas e rugas;
  • Retinol: estimula a renovação celular, promove a produção de colágeno e melhora a textura da face;
  • Vitamina C: um poderoso antioxidante que protege o rosto dos danos dos radicais livres;
  • Peptídeos: fornecem suporte estrutural à pele para minimizar a aparência de rugas labiais;
  • Ácido glicólico: atua na renovação celular, refina e uniformiza a epiderme;
  • Niacinamida: aumenta a elasticidade do rosto com as propriedades anti-inflamatórias do ativo;
  • Alfa-hidroxiácidos e beta-hidroxiácidos: os AHAs e os BHAs removem as células mortas, melhoram a textura facial e diminuem as linhas de expressão.

Dentre essas opções, a mais popular é a vitamina C pura, sendo o melhor ativo para quem deseja evitar e tratar o bigode chinês. A substância aumenta a produção de colágeno para deixar a pele mais uniforme e luminosa.

Por isso, não espere mais para incluir os cosméticos de ácido ascórbico na sua rotina de cuidados antienvelhecimento, quanto antes começar, melhor!

Como evitar as linhas de envelhecimento facial?

As melhores formas de evitar o bigode chinês são com os procedimentos estéticos e com a rotina de skincare antienvelhecimento, uma rotina diurna e noturna de cuidados para evitar e minimizar os sinais da idade.

Além disso, existe outra estratégia poderosa para evitar esse tipo de ruga facial: a alimentação. Inclua na dieta alimentos que estimulam a produção de colágeno, como:

  • Ômega 3: peixes, chia, linhaça e o abacate;
  • Enxofre: alho e pepino;
  • Vitamina A: vegetais de cor verde, vermelha, laranja ou amarela, como frutas cítricas;
  • Licopeno: tomate, beterraba e melancia.

O famoso bigode chinês é um processo natural em que surgem linhas finas entre as laterais da boca e o nariz. É possível minimizar essas marcações com uma rotina de skincare em casa, além de procedimentos estéticos, como o preenchimento.

Já que você curtiu esse assunto, aproveite para descobrir tudo sobre as linhas de expressão na testa. Te esperamos no próximo post, até lá!

compartilhe