blog

Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors
post
experts

blog

Logo oceane
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors
post
experts
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors
post
experts

Skin picking: o que é, malefícios e como acalmar a acne

Skin picking é o ato de cutucar a pele compulsivamente. Para entender o que é, riscos, possíveis danos e formas de acalmar, confira o post completo!

Redação Océane

28/06/2023

6 min de leitura

Redação Océane

6 min de leitura

modelo apertando espinhas em sua bochecha

Tem mania ou conhece alguém que está frequentemente se cutucando, espremendo espinhas, tirando partes da pele e outros atos desse tipo? É amiga, pode ser um caso de skin picking — ou transtorno de escoriação. Esse sutil ato que começa de forma inocente pode se transformar em um grande problema de pele.

Vamos entender mais sobre o skin picking, que é considerado atualmente uma doença, quais são os principais malefícios, como acalmar a pele e ainda dicas para lidar com o ato que vira compulsão. Vamos lá?

O que é skin picking?

Como já adiantamos, o skin picking tem como ação principal aquela mania de ficar cutucando feridas na pele, piorando ainda mais a situação e causando lesões profundas na nossa derme. Isso costuma ser mais comum em pessoas com a pele acneica, já que irregularidades na pele são mais vistas.

Aí, a vontade de cutucar começa, porém o problema é bem mais profundo. Esse ato é entendido como uma doença que está ligada ao Transtorno Obsessivo-Compulsivo (TOC) — afinal, trata-se de um ato repetitivo e contínuo que causa danos à pessoa sem ela perceber, com o agravante de que é difícil de parar.

modelo aplicando secativo de espinhas no rosto

As partes mais comuns do corpo escolhidas pelas pessoas com a doença são o rosto, o tronco — principalmente braços e ombros — e também as pernas.

Quais os malefícios para a pele?

A pele sofre muito, é claro! Afinal, é uma região que precisa de muitos cuidados, e o ato do skin picking não dá tempo para que ela se regenere. Então, os machucados costumam deixar manchas na pele, levando até a casos extremos, como a necessidade de enxertos em regiões muito machucadas.

Ou seja, é uma doença que precisamos ter o sinal de alerta ligado para não chegar a casos tão graves! Afinal, isso pode gerar um impacto muito maior do que na pele, mas no convívio social, pois muitas pessoas passam a ter vergonha de sair de casa com a pele tão ferida — a distorção de imagem é comum também nesses casos.

Quais ativos acalmam a pele e evitam a escoriação?

Para tratar as pele feridas, sempre é ideal buscar por aqueles compostos que tenham ação calmante na pele, afinal, ela precisa de ajuda para se regenerar. Vamos a 6 opções:

1. Bruma hidratante

De absorção rápida e ação hidratante imediata, a bruma é uma opção bem levinha para o rosto que logo acalma a pele. Principalmente aquelas compostas com esqualano, que ainda contam com o poder de proteger a pele contra ações do ambiente — ótima para quando há feridas à mostra.

jato de bruma hidratante sendo espirrado em um espelho

2. Tônico facial com aloe vera

Outro item para acalmar a pele do rosto é o tônico facial. Essa belezinha tem textura bem aquosa, não pesa na pele e a aloe vera de sua composição ajuda a deixar a pele mais calma. A sensação de refrescância é perfeita, além de equilibrar o pH cutâneo.

tônico facial com aloe vera

3. Hidratante labial

Quem tem a mania de fazer o skin picking com aquela pele seca dos lábios precisa contar com um hidratante labial para acalmar a região. Além disso, se for bem hidratada, não haverá peles soltas para dar aquela vontade irresistível de puxar e se machucar. Procure itens com óleos naturais como de jojoba para a hidratação profunda.

modelo aplicando hidratante labial em sua boca

4. Creme facial hidratante

Se o problema é cutucar o rosto, essa pele também pode ser tratada e acalmada com um creme facial bem hidratante, como aqueles com compostos de centelha asiática. Esse item conta com alto poder de hidratação e restauração da pele machucada, além daquela sensação boa de cuidado ao passar. Aposte também na versão noturna do creme.

kit de skincare com centella asiática

5. Óleo hidratante de esqualano

Esse daqui é ideal para quem varia as regiões onde o skin picking é praticado, já que pode ser aplicado tanto no rosto, como unhas e cotovelos. Essa belezinha multifuncional cuida daquele aspecto de vermelhidão nada legal que fica na pele após um momento de compulsão, tratando a irritação.

embalagem do sérum facial com esqualano sobre o próprio produto derramado

6. Loção secativa de espinhas

Para quem pratica o skin picking muito impulsionado por conta do aparecimento de espinhas, vale a pena investir em um kit secante de acne. Esses produtos são formulados especificamente para tratar esse problema, com a grande vantagem que contam com ingredientes calmantes para a pele também na composição, evitando uma sensação de repuxe na derme.

embalagem da loção secativa de espinhas

Algumas das substâncias são cânfora, calamina, cica, hamamélis e ativos do body acne.

Dicas para lidar com a compulsão

Primeiro, procure um dermatologista para receber instruções personalizadas. Outro ponto, lá você estará tratando apenas um reflexo e consequência de um problema que não começa na pele. Por isso, duas dicas preciosas devem ser levadas em consideração nesse momento:

Busque acompanhamento psicológico

Ter o diagnóstico da doença, apesar de parecer assustador, na verdade, se torna libertador. Afinal, você consegue entender da onde a vontade de ter o hábito surge, assim, aprende a como lidar com ela da melhor forma para que a doença não evolua para casos mais graves.

Descubra seu gatilhos

Com o esclarecimento se você está com a doença ou não, é muito mais fácil de buscar caminhos para se curar e, principalmente, entender seu gatilhos, ou seja, o que te faz ter esse hábito.

Geralmente, há duas formas da doença: uma mais automática e outra mais focada. A primeira, é feita sem pensar ou perceber um motivo; já a segunda ocorre por sentimentos como tensão, ansiedade, medo e outros. Entendendo os motivos, a cura se torna um caminho possível.

Além de questões estéticas

Um problema de pele pode nos mostrar questões mais profundas que estão acontecendo dentro da gente e não percebemos. Por isso, é importante destacar que a skincare tem benefícios além da beleza. Confira o nosso post para entender mais do assunto, te esperamos lá!

compartilhe