blog

Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors
post
experts

blog

Logo oceane
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors
post
experts
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors
post
experts

Ácido Lático: esfoliação, renovação celular e hidratação!

Conheça o ácido lático, parte dos AHAs que é super indicado para peles sensíveis. Esfoliação, renovação celular e hidratação como nenhum outro!

Redação Océane

11/09/2023

5 min de leitura

Redação Océane

5 min de leitura

Foto das duas texturas de cosméticos com ácido lático, em creme e em sérum.

A renovação celular para uma pele muito mais jovem e bem cuidada começa com o ácido lático e fica ainda melhor quando associado com o restante do grupo dos AHAs (alfa-hidroxiácidos).

Os ácidos desse grupo são conhecidos esfoliantes químicos que agem nas células mais superficiais da pele. Mas o que ele tem de tão especial? Te contamos tudo no post de hoje!

Ácido lático: o AHA da lactose

O ácido lático é um composto originado da lactose (também produzido naturalmente pelo nosso corpo durante os exercícios). Hoje, já é possível consegui-lo por meio da fermentação da uva, do açúcar de cana, do amido e de alguns vegetais.

Como um alfa-hidroxiácido, o ácido lático tem propriedades esfoliantes e rejuvenescedoras. No entanto, suas moléculas são maiores, o que o torna mais suave do que os demais ácidos do grupo: ácido glicólico, ácido cítrico e ácido tartárico.

Uma curiosidade é que o ácido lático é essencial para gerar energia para o nosso corpo, mas, quando está em excesso, ele produz dores musculares e as famosas câimbras.

Foto do esfoliante químico facial com ácido cítrico e ácido salicílico.

Esfoliação, renovação celular e hidratação

Sem dúvidas, a esfoliação, a renovação celular e a hidratação são os três principais benefícios do ácido lático, mas não são os únicos! Algo muito legal dele é que, por ser um ativo mais leve, é super recomendado para quem tem pele sensível. O ácido lático tem função de:

  • Deixar a pele uniforme, firme e macia;
  • Estimular a produção de ceramidas (ou seja, barreira de proteção!);
  • Limpar os poros (o que significa que pode ser usado no tratamento de acne);
  • Clarear a pele e melhorar a textura dela;
  • Estimular o colágeno;
  • Suavizar rugas e linhas finas;
  • Conferir um brilho natural à pele.

Mais um benefício super característico desse ácido é sua capacidade de retenção de água na pele. Suas propriedades umectantes — vindas a partir do Fator Natural de Hidratação (NMF) da nossa pele — ajudam a manter a derme hidratada e macia.

Foto de uma mulher com um esfoliante com partículas físicas aplicado no rosto.

Como inserir o ácido lático no skincare

O momento do seu skincare ficará muito mais potente quando você incluir o ácido lático nele! Inclusive, se você nunca usou nenhum ácido na pele, esse é ótimo para começar. Ele é mais suave e menos propenso a provocar irritações, ou seja, também pode ser usado todos os dias.

Além de ser uma ótima opção para começar incluindo os ácidos na sua rotina de skincare, também é indicado para os tratamentos a longo prazo como um antecessor de ácidos mais fortes, como o ácido tartárico.

Foto de um creme com ácido lático e um sérum com ácido lático sobre uma superfície.

Vale lembrar de uma dica super importante: o indicado é passar qualquer tipo de ácido apenas no skincare noturno. Isso porque eles podem dar alguma reação quando expostos ao sol. Agora vamos ao passo a passo em si:

  1. Limpe muito bem a pele. Esse é o fator primordial de qualquer skincare (e até da preparação para a maquiagem), já que deixa a pele livre de impurezas e pronta para receber os produtos de cuidado com a pele;
  2. Aposte em um bom tônico. Esse passo serve para terminar a limpeza da pele e equilibrar o pH dela;
  3. Aplique o ácido lático. Algumas gotas já são suficientes para espalhar o produto por todo o rosto. Espere secar um pouco antes de passar para os próximos passos;
  4. É a vez dos seus outros séruns de tratamento. Agora que o lático já foi passado, você está livre para passar os demais produtos de tratamento que usa (não esqueça de verificar com a sua dermato se eles podem ser usados durante o tratamento com o ácido lático);
  5. Não deixe de hidratar o rosto — mesmo se você tiver a pele oleosa. Esse passo é super importante para repor a umidade da pele e manter o brilho e o viço que a gente ama;
  6. E, claro, para o dia seguinte: o protetor solar é essencial! Então, aplique uma camada generosa do produto mesmo se estiver nublado ou for ficar em uma sala na frente do computador. ?

Ativos que combinam com o ácido lático

Assim como você já sabe, a rotina de skincare se baseia em um conjunto de ativos que trabalham para te deixar com a pele super saudável e radiante. Mas não dá para ir misturando aleatoriamente cada ativo, caso contrário muitas alergias podem surgir.

Como não queremos ninguém com o rosto vermelho e machucado por aí, fizemos uma listinha dos ativos que podem ser combinados sem problemas com o ácido lático, olha só:

Invista nos produtos certos!

Essa é uma dica que faz total diferença na hora de montar a sua rotina de skincare, já que estamos falando do cuidado com a sua pele, não é mesmo? Portanto, dê uma atenção especial à escolha dos ativos e dos produtos que você investe para prevenir complicações posteriores.

Continue aqui no blog para conhecer mais da nossa linha de skincare com AHA e BHA e entender por que esses serão seus produtos queridinhos em um futuro muito próximo!

A última dica que damos é sempre observar a descrição de cada produto Océane que for comprar para ter certeza que ele será o que você procura. Lá, você encontra os benefícios, como usar, composição e todas as informações que precisa. ?

compartilhe